Bem Estar

Emagrecimento – parte 3: recomeçar

Depois do choque de realidade e mudança de hábitos, chega a hora de recomeços diários. Mas como assim, recomeços? A reeducação alimentar requer disciplina, vontade de mudar e muita luta com a comida.

O primeiro passo foi dado, mas continuar é o mais difícil. Minhas mudanças foram acontecendo, com o primeiro mês senti o choque, uma fome absurda, um controle para não deslizar, perdi peso rápido, unindo boa alimentação, retirada de produtos industrializados e exercícios físicos, fazendo os resultados começarem a aparecer.

Aos poucos, minhas roupas foram ficando grandes demais, em alguns casos nem ajustes adiantavam mais. Perdi calças que estavam guardadas por não passarem nas pernas e agora estavam enormes, ajustei casacos que antes não fechavam os botões e ficaram grandes, encurtei blusas que quase pareciam vestidos. Passei a ver meu pescoço afinar, assim como uma leve cintura foi se criando, a “saboneteira” apareceu, nem sabia que ela poderia ser saliente. Hehe.

Cada dia me dava mais ânimo para continuar, cada roupa que ia doando me dava um novo estímulo. Precisei trocar praticamente o guarda-roupa todo, mas a sensação de alguém dizer: “teu olho está com um brilho diferente”, “nossa, que mudança heim?!”, isso era mais que orgulho, era satisfação pessoal. Saber que eu estava alcançando um objetivo que dependia exclusivamente de mim mostra que você é capaz de tudo, basta querer.

Minha alimentação continuou a mesma, fazendo receitas novas que lia ou que me indicavam, criando ou reinventando receitas gordinhas, botando amor na comida, comendo com consciência e vontade. Comer pouco nunca foi fácil, então criava uma “pegadinha” para meu cérebro, enchia metade do prato de salada, além da saciedade, a impressão de ter me alimentado com muita comida ajudava a não ter vontade de repetir.

O que aprendi com a reeducação em relação à comida é que não precisa ser sem sabor, nem ser uma quantidade minúscula. Coma com sabedoria e não te restrinja totalmente, um dia na semana coma algo que tem vontade, pois se tu te privar demais, vai chegar uma hora em que vai enfiar o pé na jaca de vez. Então se permita um único dia por semana, sem tornar os “deslizes” uma rotina.  

Vou mostrar um comparativo do meu emagrecimento: a foto da esquerda é de novembro de 2013, quando eu estava chegando à casa dos 82 kg, já a foto da direita é de setembro de 2015.

comparativo

Vocês devem estar se perguntado: tá, mas e agora?! Depois de todo este tempo como tu estás e a alimentação? Por isso o nome deste último post. Continuo na reeducação, continuo com alimentação controlada, engordo uns quilinhos, mas depois me puxo e elimino. Nos quase dois anos de uma foto para a outra, me controlei muito, perdi 18 kg e achei que estava bom, aí aconteceu o que acontece com muitos: o descuido, movida pela falsa sensação de que acabou. Mas não, reeducação é para a vida TODA.

Não engordei tudo o que perdi, pois quando vi diferença no espelho e nas roupas o sinal de alerta já ligou. Não vou mentir, agora parece mais difícil que da primeira vez. Todo o dia você precisa falar para si mesmo: eu já consegui. Não tenha medo de cair, tenha medo de não levantar.

Pense no quanto já lutou ou ainda luta, não desanime. Troque o pensamento, pense em quanto ainda tem para aproveitar a vida, que o aprendizado está só no começo, que você é mais forte que sua ansiedade por comida (falarei numa outra oportunidade sobre o tema ansiedade descontada na comida). Se ame, seja feliz e aproveite as conquistas diárias, as vitórias não terminaram no dia de hoje.

Para matar a curiosidade de vocês (eu pelo menos estaria curiosa), esta sou eu nos dias de hoje, não ganhei a luta contra a balança, mas as batalhas eu vou vencendo todos os dias.

hoje
.

Até a próxima!

Por Camila

Anúncios

4 comentários em “Emagrecimento – parte 3: recomeçar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s