Bem Estar

Compulsão Alimentar

mais forte

Olá pessoal!

O corre-corre do dia a dia, as preocupações, ocupações diárias e necessidades de tudo para ontem nos leva a um estresse quase que diário, não é mesmo?! Mas se você, assim como a maioria, sempre que pode se faz um agrado para compensar esta vida turbulenta, pare e pense, os agrados são diários? Você come um docinho para se acalmar? Enche o prato para se sentir saciado? Você pode estar com uma compulsão alimentar.

Vou me usar como exemplo, na época da TPM (tensão pré-menstrual), que muitas mulheres sabem o quão terrível ela pode ser, eu escorrego legal na alimentação. Admito que sou bem formiga, e nesta época, se duvidar ataco até o pote de açúcar. O problema está em a comida ser o seu refúgio. Os vícios são frequentes, há quem tem o de roer unha, fumar, beber, entre tantos outros, mas o da comida muita gente tem e nem percebe.

Quando era criança, minha mãe ia com frequência na casa das minhas tias, assim como na casa das vovós, e é muito comum os adultos oferecem tudo e mais um pouco para agradar os pequenos. Doces e besteiras fora de horário, comer além do normal (pois está muito magrinho, amarelo, hehe), isso muitas vezes na presença dos pais, que acham tudo normal. Mas quando nos tornamos adultos, esta situação de falta de educação alimentar pode se tornar um vício, até mesmo doença.

Sete sinais de que sua relação com a comida se tornou compulsão alimentar:

  • Comer escondido
  • Comer rápido
  • Comer sem estar com fome
  • Comer até se sentir mal
  • Estar sempre comendo
  • Comer para se sentir emocionalmente bem
  • Sentir culpa após um episódio de descontrole

A compulsão ocorre com situações corriqueiras: Estou feliz? Como! Estou triste? Como! Estou nervoso? Como também! A compulsão alimentar não tem idade nem gênero, ela pode estar presente desde a infância (como relatei no parágrafo anterior), e a pessoa só se dar conta disso quando o peso aumenta ou as doenças aparecem. A falta de atividade física e controle emocional ajudam neste processo de compulsão. Podem ser vários os motivos: ansiedade, depressão, medo, sedentarismo, falta de disciplina na alimentação, entre outros, que podem levar a resultados preocupantes.

Comer é necessário para o seu bem-estar, emocional e físico, mas não deve ser uma válvula de escape para o seu dia, procure algo que goste de fazer, leia, faça atividades físicas, saia para dançar, vá ao cinema, encontre outros modos de compensar. A vida tem muitos atrativos além da comida, encontre prazer em ser feliz e comer corretamente. Seja dono do seu prato e não escravo da comida. O importante é, se você sentir que a comida deixou de ser um alimento e sim uma obsessão, não hesite, procure um médico. Saúde em primeiro lugar.

Dicas para driblar a compulsão alimentar:

  • Coma a cada 3 horas, de forma fracionada, seguindo a orientação do nutricionista;
  • Organize antecipadamente os lanches do meio da manhã e tarde para não comer porcarias que não nutrem o corpo e resultam em fome;
  • Nunca vá a uma festa ou encontro com amigos e família sem ter se alimentado antes. Desse modo, você evita comer em excesso;
  • Faça atividades que aliviam a ansiedade ou que aumentem a sensação de bem-estar, e isso inclui atividade física, pois ajuda no aumento da serotonina;
  • Tenha em casa alimentos saudáveis e fáceis de prepará-los;
  • Faça um diário alimentar e emocional, desta forma, estará atento ao que come e nos motivos que a levar a comer fora de hora;
  • Não utilize a comida como conforto ou substituto de situação de insatisfação.

Somos mais fortes do que nossas vontades e vícios. E você já começou a mudar a sua atitude?

Se quiser saber como foi meu processo de emagrecimento, dá uma lida nos posts 1, 2 e 3.

.

Por Camila

.

Fontes:

http://www.minhavida.com.br/alimentacao/galerias/16151-sete-sinais-de-que-sua-relacao-com-a-comida-se-tornou-compulsao-alimentar

http://www.maisequilibrio.com.br/bem-estar/livre-se-da-compulsao-alimentar-7569.html

Anúncios

2 comentários em “Compulsão Alimentar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s